Empreendedores apostam em status de marcas com mais de 50 anos

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Mas não dá para comprar a franquia e se sentar na sua fama sem gerir o negócio com afinco. "Mesmo tendo o nome como um dos maiores patrimônios dessas marcas, o empreendedor precisa entender que se trata de uma operação complexa", afirma Claudio Tieghi, diretor de inteligência da ABF (Associação Brasileira de Franchising). É importante participar, ficar atento a inovações, novos produtos da empresa e a repercussão destes, segundo Claudia Bittencourt, sócia da consultoria especializada em franquias Grupo Bittencourt. O engenheiro Daniel Macedo, 28, conta que faz questão de estar presente todos os dias em sua franquia da Casa Bauducco, aberta há um ano e meio. A marca foi criada em 1952, "Por estar sempre no local, conversando com clientes, vejo o que eles gostam mais entre os novos produtos e invisto no marketing boca a boca", diz. A unidade passou a receber boas avaliações em redes sociais como Foursquare e TripAdvisor. A loja, em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, cresceu 24% em 2016 e faturou R$ 1,52 milhão. O diretor da Casa Bauducco, Paulo Cardamome, alerta que o empreendedor deve saber gerir antes de adquirir a franquia. Como é comum ao se tratar de marcas famosas, o investimento é alto para o empreendedor: custa cerca de R$ 500 mil. "Se apoiar na marca ou apenas gostar dos produtos não credencia ninguém a ser empresário, apenas cliente", afirma Cardamone. Se a empresa é conhecida, torna-se possível focar mais a estratégia comercial e menos o esforço de marketing, diz Tieghi. Cerca de metade da base de clientes do administrador Marco Chadad, 45, da Hering, já consumia produtos da marca, segundo seus cálculos. Chadad tem lojas em São Paulo da têxtil catarinense, ativa no mercado desde o final do século XIX. "A vantagem da marca antiga é que você já abre com uma clientela potencial, e precisa apenas divulgar a loja nos bairros próximos", diz. ESCOLHA EMOCIONAL O administrador Sérgio Lemos, 38, conta que decidiu pela New Era, rede norte-americana de bonés fundada em 1920, com a emoção. "Vi um quiosque da marca e decidi ali mesmo que compraria uma franquia", afirma. "Não consultei o outro franqueado, único no Brasil na época, nem questionei dados financeiros que recebi." Lemos investiu R$ 350 mil na primeira loja -sem contar o valor do aluguel do ponto e o capital de giro. O local foi aberto na metade de 2015. A ousadia de Lemos não é recomendada por consultores da área, que indicam avaliar pelo menos três franqueadoras e conversar com quem tem lojas ou já deixou a rede. Falar com franqueados novos e antigos ajuda a ver como evoluíram as operações da empresa e dá pistas sobre como será o suporte a quem compra uma unidade. Também é indispensável estudar a fundo a circular de oferta de franquia, documento que estabelece direitos e deveres das duas partes. ALTA NOTORIEDADE Como usar a reputação da marca a favor do empreendimento TRABALHO DURO? O fato de a marca ser consolidada não significa que o empreendedor precisa trabalhar menos. Toda a gestão da loja, incluindo aí equipes, sistemas, caixa e estoque, fica por conta do franqueado. CONHECIMENTO PRÉVIO Estudar a marca a fundo é indispensável. Se ela é antiga, tem códigos de comportamento, valores e princípios muito bem estabelecidos, que devem ser assimilados pelo franqueado. BRILHO PRÓPRIO? O letreiro sozinho não atrai clientes. Conheça as diretrizes de marketing da franqueadora para já criar formas de fidelizar o público da região desde o começo das operações. REDE DE CONTATOS? Converse com outros franqueados e com quem já deixou a marca para entender onde a empresa erra e acerta ao trabalhar com sua tradição SUCESSO REGIONAL Investir em uma empresa que há décadas é relevante no sul do país não significa sucesso equivalente no nordeste, por exemplo. Antes de abrir, é preciso conhecer muito bem a praça. Anna Rangel Fonte:  Folha de S.P

Contato

  • contato@bcef.com.br
  • +55 11 3660-2201
  • Av. Paulista, 171 - 9 andar - Paraíso - São Paulo -SP CEP - 01311-904

Atualize-se

Newsletter

Assine nossa Newsletter e fique informado.


Portfólio

Recentes

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin