O poder multiplicador das franquias a serviço de uma maior consciência nos negócios

O poder multiplicador das franquias a serviço de uma maior consciência nos negócios

Sabemos bem que as franquias são responsáveis por replicar um modelo de negócio e fazer ele escalar e dar frutos, além de ser um caminho no qual o empreendedorismo é mais previsível, tendo menos surpresas. Agora imagina que esse mesmo ecossistema de franchising possa também servir para basear uma cultura de respeito aos stakeholders e envolver uma consciência de mercado responsável e bom para toda a sociedade. Já imaginou?

 

Foi pensando em aproveitar a dinâmica desse círculo virtuoso que é o setor de franquias, com seu espírito multiplicador, que surgiu, por meio do Grupo Bittencourt e do Instituto Capitalismo Consciente Brasil, o movimento do “Franchising Consciente”, criação que quer trazer os pilares do Propósito maior, Orientação para stakeholders, Liderança Consciente e Cultura Consciente para o nosso segmento e fazer com que ele ajude a expandir as possibilidades para um mundo melhor.

 

Considero esse passo fundamental para que os conceitos idealizados inicialmente por Raj Sisodia e John Mackey, criadores do movimento do Capitalismo Consciente, possam finalmente chegar nas economias reais, feitas no dia a dia das pessoas, para além das grandes corporações, uma vez que as franquias perpassam a economia e atingem um grande número de setores e pessoas.

 

Preparamos durante os últimos meses uma metodologia proprietária e que desmistifica que se tornar uma franquia consciente é simplesmente aderir a um movimento. Acreditamos que isso faz parte de aprender e praticar iniciativas orientadas por um processo muito bem planejado e com possibilidade real de ser executado. Algumas etapas importantes passam por uma oxigenação e conscientização da empresa sobre a importância do tema, a realização de um diagnóstico, definição de um plano de ação e finalmente a implantação das oportunidades de melhoria encontradas. Tudo isso, ministrado dentro da parceria entre Instituto Capitalismo Consciente Brasil e Grupo Bittencourt.

 

Após essa jornada de aprendizagem, as franquias poderão ser certificadas como uma empresa adaptada ao Franchising Consciente – certificação a ser validada anualmente. E ainda dentro dos preceitos de um engajamento real, é obrigatória a participação do líder, sócio ou diretor da empresa no programa de formação básica no Capitalismo Consciente, o que acreditamos ser fundamental para que a cultura dentro dos pilares propostos tenha um guardião dentro da organização.

 

Esse projeto é motivo de orgulho para nós que estamos ao longo dos anos nos comprometendo cada vez mais com a construção de impacto positivo nas empresas, nas pessoas e porque não, no planeta. Sabemos que é uma jornada que se caminha a passos cuidadosos e muitas vezes lentos. A transformação não acontece de um dia para o outro apenas por se tomar a decisão de fazê-la acontecer. Nosso convite para a participação no Franchising Consciente é fazer com que as empresas dêem seu primeiro passo! 

Se você quiser saber mais sobre o movimento, acesse: 

Atualize-se

Fale conosco!

Recentes