Grupo BITTENCOURT e Instituto Capitalismo Consciente formalizam movimento para impulsionar práticas conscientes nas franquias

Grupo BITTENCOURT e Instituto Capitalismo Consciente formalizam movimento para impulsionar práticas conscientes nas franquias

O movimento chamado ‘Franchising Consciente’ tem como objetivo desenvolver um ecossistema de negócios mais consciente no país

O Grupo BITTENCOURT, consultoria especializada no desenvolvimento, gestão e expansão de redes de negócios e franquias, e o Instituto Capitalismo Consciente Brasil (ICCB) formalizam no próximo dia 24, o contrato para a nova parceria intitulada Franchising Consciente. O movimento tem como objetivo impulsionar práticas conscientes nas franquias e desenvolver um ecossistema de negócios mais humanizado, alinhado aos pilares do Capitalismo Consciente no país. No dia 05 de abril, haverá um evento gratuito e online, que abre a agenda dessa parceria.

Para Claudia Bittencourt, sócia fundadora e presidente do conselho consultivo  do Grupo BITTENCOURT, a movimentação se alinha ao que a companhia já buscava implementar nas empresas que buscavam o trabalho da consultoria. “Precisamos que as empresas apliquem o ESG (environmental, social and governance) na prática. Queremos contribuir para que os negócios estejam cada vez mais comprometidos com boas práticas de gestão e governança para que eles sejam mais sustentáveis e, assim, também alcancem melhores resultados”, complementa.

As franquias que desejarem fazer parte do Franchising Consciente precisarão participar de uma jornada de imersão em relação aos 4 pilares do movimento: Propósito maior, Orientação para stakeholders, Liderança Consciente e Cultura Consciente – conduzida pelo Capitalismo Consciente Brasil e pelo Grupo BITTENCOURT. O processo conta com uma oxigenação e conscientização da empresa sobre a importância do tema, realização de um diagnóstico, definição de um plano de ação e implantação das oportunidades de melhoria encontradas. Após esse processo ela poderá ser certificada como uma empresa adaptada ao Franchising Consciente – certificação que precisa ser validada anualmente. Ademais, é obrigatória a participação do líder, sócio ou diretor da empresa no programa de formação básica no Capitalismo Consciente. 

“Essa parceria é mais um passo em direção à expansão do Capitalismo Consciente no país. Nossa missão é contribuir para um novo jeito de fazer negócios, cada vez mais consciente e com responsabilidade social, e estamos muito felizes com a consolidação deste projeto. Acreditamos que o impacto no setor seja altamente relevante”, finaliza Hugo Bethlem, chairman do ICCB.

Saiba mais sobre o Franchising Consciente

Atualize-se

Fale conosco!

Recentes